sexta-feira, 8 de setembro de 2017

'Internet: use com moderação' - - - "Mensagem do Dia" - - Neo Cirne

  Hoje em dia não é raro estar viciado num programa de TV ou ficar por horas pendurado nas redes sociais nos seus smartfones. Nossas crianças e adolescentes são criadas nessa onda imensa de informações e com grande afastamento dos valores familiares. Antigamente, o primeiro brinquedo que uma menina recebia era uma boneca, com ela a menina desenvolvia qualidades como o zelo, a afetividade, estimulava a imaginação imaginando-se 'mãe da bonequinha' ou melhor amiga de um bichinho de pelúcia. Hoje em dia, para parecer modernos, os pais oferecem aos filhos um tablet para que eles se isolem e brinquem sozinhos vendo a 'Frozen' ou a 'Galinha Pintadinha' e assim elas passam horas isoladas, ficando sem usufruir do convívio social infantil. Aprendem desde pequenas a serem solitárias. 


 Acho importante  tecnologia, é bom poder sentir o mundo na palma das mãos, mas não podemos esquecer da socialização familiar. Desenvolver conceitos de amor e exemplos paternos faz parte da formação básica da família. Assim como as crianças, os pais se isolam e não saem sem seus celulares e em casa, afastam-se uns dos outros pois todos querem teclar sossegados. Sem perceber, desde criança, vamos nos viciando a essas tecnologias que são capazes de criar um mundo mentiroso e virtual no qual as poses das selfies só refletem o imenso vazio que possuímos. 


 Eu mesmo, dificilmente vou dormir sem mandar um 'boa noite' para os meus amigos. De certa forma, as redes sociais chegaram para ocupar o grande vazio humano. Como somos humanos temos a necessidade de falar, de observar os fatos que ocorrem aqui e no mundo em tempo real e o celular é um facilitador maravilhoso, não há dúvida. Na realidade a vida dividiu-se em duas fases: antes e depois do celular, que só faz evoluir, seduzir e nos hipnotizar com o imenso cardápio de opções. Sem perceber perdemos a nossa liberdade de pensamento, de consumo e lazer. Não percebemos que nos viciando na internet, nos afastamos uns dos outros, perdemos um tempo imenso e a vida passa lá fora enquanto ficamos em casa ou no trabalho teclando...teclando. Tive vários amigos que foram despedidos dos seus empregos pois ficavam a maior parte do tempo mandando mensagens nas redes sociais. Não que eles quisessem deixar de trabalhar, mas, vire e meche, chegava um aviso de mensagem da galera e aí, a atenção no serviço fugia e se concentrava no desejo de ler e responder a mensagem. Daí para o bilhete azul era um pulo. 


 Nos colégios a situação é a mesma, todos os alunos levam seus celulares e, de quando em quando chega uma mensagem, e eles dão um jeito de responder atrapalhando a aula; daí pra uma nota baixa e reprovação é um pulo. 
 Quando os jovens saem para curtir o celular está sempre presente. O que menos se vê nas reuniões é um papo gostoso sem interferência da internet. 




 Porém a internet também é muito útil, mas precisamos ultrapassar alguns desafios, como o de saber usar o celular de maneira moderada. Teclar com moderação deve ser o principal dos desafios. Muita gente já perdeu a vida teclando ao volante do carro. Porém, a internet é muito útil nas pesquisas, contatos e informações imediatas. Ontem mesmo, uma grande amiga viajou para a Europa e estava preocupada com a magnitude do Furacão Irma, de grande poder de destruição, que está localizado entre a América Central e os Estados Unidos da América. Porém, apesar da turbulência atmosférica do Atlântico Norte, a viagem seguiu e correu tudo bem. Já outra amiga, moradora em Brasília, terá que viajar para os EEUU para participar do casamento de sua filha que estuda e reside por lá... Só que o furacão está no meio da rota aérea, que fará Brasília - Panamá - Nova York. Ela terá de decidir se vai correr o risco ou não. Esse é o lado positivo da informação em tempo real, ela nos alerta e previne de algo que está acontecendo e dos riscos que corremos. 

  Esse hábito de usar a internet tem, como tudo na vida, um lado positivo e outro negativo. Não podemos nos deixar escravizar pelo uso dos aplicativos tentadores e nem do contato excessivo. Tenho amigos maravilhosos, possuidores de famílias numerosas que se queixam da queda do nível nos seus relacionamentos familiares. Os casais não se falam mais com intensidade, falam o mínimo necessário. E as crianças, como disse acima, não se socializam e os adolescentes, isolados, jogam (principalmente os meninos) ou postam suas descobertas pessoais. Uma nova foto a cada dia, fazendo caras e bocas, muitas vezes tão comuns, alternam-se nos perfis, principalmente no das meninas.
   
  
  UBAV-Brasil apresenta essa mensagem de 'Internet: use com moderação', porque dentre os vícios atuais o mais poderoso e escravizante é o da internet. Sim, sem querer, através dela, nos tornamos escravos da mídia, de outros modismos ou fraquejamos em tentações que nos envolvem e arrebatam. O vício pela internet é desnecessário para curtir a vida de maneira saudável, plena e saborosa. Sim, a vida é muito saborosa, semelhante a um delicioso "sorvete de casquinha", daqueles que comemos até a ponta da casquinha, que representa a felicidade plena de chegarmos até o fim da deliciosa missão de viver com prazer. A gente sofre de teimoso quando esquece do prazer de saborear as pequenas coisas da vida. 

  Já que ontem foi dia 07 de setembro, dia da Independência do Brasil, quero lembrar que para sermos independentes precisamos aprender a manter a mente bem ocupada 

  Bom dia!


 Tim-Tim!



 Neo Cirne
Fundador e Colunista


















"MANTENHA A MENTE BEM OCUPADA"

 A mente sem controle flutua na superfície dos acontecimentos como uma folha levada pelo vento. Torna-se um depósito para muitas informações desnecessárias - imagens, ideias, fantasias, projeções. Não se esqueça de colocar grandes pitadas de amor, perdão, esperança, bom humor, otimismo e generosidade na sua receita para viver bem. Seja compreensivo com a mudança dos tempos, mas não perca o seu precioso tempo com coisas que não acrescentam valores em sua vida. Seja solidário!

Deus quer ver você feliz!

 Tim-Tim!!!




Um Brinde À Vida Copyright © 2011 | Tema Desenhado por: compartidisimo | Distribuído por: Blogger