quarta-feira, 27 de julho de 2016

LIRA POÉTICA - - A poesia de Vinícius de Moraes e Augusto Cury - - Por Neo Cirne

LIRA POÉTICA



Olá amigos! Hoje apresentaremos duas poesias especiais, uma do grande mestre do Amor, Vinícius de Moraes - AUSÊNCIA. A segunda, SONHOS, pertence ao querido amigo de UBAV-Brasil, Augusto Cury, brilhante escritor contemporâneo.

Vamos começar bem o dia, não é verdade? Então, vamos lá! 
Desejo um dia bem feliz para todos vocês.



PRIMEIRA POESIA


Ausência



Eu deixarei que morra em mim o desejo de amar os teus olhos que são doces
Porque nada te poderei dar senão a mágoa de me veres eternamente exausto.
No entanto a tua presença é qualquer coisa como a luz e a vida
E eu sinto que em meu gesto existe o teu gesto e em minha voz a tua voz.


Não te quero ter porque em meu ser tudo estaria terminado.
Quero só que surjas em mim como a fé nos desesperados
Para que eu possa levar uma gota de orvalho nesta terra amaldiçoada
Que ficou sobre a minha carne como uma nódoa do passado.

Eu deixarei... Tu irás e encostarás a tua face em outra face.
Teus dedos enlaçarão outros dedos e tu desabrocharás para a madrugada.
Mas tu não saberás que quem te colheu fui eu, porque eu fui o grande íntimo da noite.
Porque eu encostei minha face na face da noite e ouvi a tua fala amorosa.
Porque meus dedos enlaçaram os dedos da névoa suspensos no espaço.
E eu trouxe até mim a misteriosa essência do teu abandono desordenado.

Eu ficarei só como os veleiros nos pontos silenciosos.
Mas eu te possuirei como ninguém porque poderei partir.
E todas as lamentações do mar, do vento, do céu, das aves, das estrelas, serão a tua voz presente, a tua voz ausente, a tua voz serenizada.

Vinícius de Moraes

Vinícius de Moraes (1913-1980) foi um poeta, compositor, dramaturgo, jornalista, roteirista e diplomata brasileiro. Sua música "Garota de Ipanema", composta em parceria com Tom Jobim, é uma das mais importantes canções da história da música brasileira.





SEGUNDA POESIA


OS SONHOS

Os sonhos não determinam o lugar onde vocês vão chegar, mas produzem a força necessária para tirá-los do lugar em que vocês estão.

Sonhem com as estrelas para que vocês possam pisar pelo menos na Lua.

Sonhem com a Lua para que vocês possam pisar pelo menos nos altos montes.

Sonhem com os altos montes para que vocês possam ter dignidade quando atravessarem os vales das perdas e das frustrações.

Bons alunos aprendem a matemática numérica, alunos fascinantes vão além, aprendem a matemática da emoção, que não tem conta exata e que rompe a regra da lógica.

Nessa matemática você só aprende a multiplicar quando aprende a dividir, só consegue ganhar quando aprende a perder, só consegue receber, quando aprende a se doar.


Augusto Jorge Cury (1958) é um psiquiatra e escritor brasileiro. Um grande orientador motivacional, possuidor de uma capacidade notável de produzir grandes livros. É o idealizador da Escola do Pensamento, uma nova forma didática de pensar a vida. Augusto Cury foi o autor da frase campeã do 6º Concurso de Frases de UBAV-BRASIL, em 2011, foi agraciado com uma 'placa comemorativa' pela conquista do feito. O brilhante escritor nos recebeu em 2012, em sua escola, na cidade de Ribeirão Preto/SP, concedendo-nos um momento inesquecível. A foto da placa, acima e o momento da entrega, abaixo. 

Neo Cirne e Augusto Cury
- Março de 2012 -
  


A seção de poesia, Lira Poética será editada uma vez por mês, sempre na última semana. Achamos que a poesia, assim como o amor, está em falta nos dias violentos e globalizados que vivemos. Infelizmente, devido à condição humana, falar de amor e poesia não reverbera tanto quanto falar de hostilidade e violência. Precisamos mudar essa condição que atrasa e separa a humanidade.

Abra o seu coração e deixe a poesia entrar, só isso será um grande passo para um futuro melhor.

Tim-Tim!

Neo Cirne
Colunista de UBAV-Brasil