quarta-feira, 5 de novembro de 2014

NEO-DAY (11/2014) - - COMO É BOM TER AMIGOS POR PERTO - - Por Neo Cirne

 Como é bom ter amigos por perto!


- Neo Cirne -


Falar de amizade parece um tema batido e que não se coaduna com os tempos modernos, onde passamos muitas horas na internet vivendo uma vida ilusória e artificial. A vida na virtualidade não nos permite aprofundar, sequer, uma relação de amizade absoluta, presencial e verdadeira. Daquelas amizades em que somos capazes de mostrar a nossa emoção em momentos bons e ruins.

No Facebook até para falar dos nossos sentimentos, usamos figurinhas boladas por uma pessoa qualquer. A geração mais nova transformou-se.  Os jovens vivem sem se expressar não sabe mais o que é uma emoção verdadeira. Infelizmente eles leem mal, escrevem mal e falam mal. Até os adultos por gastarem horas trocando mensagens nas redes sociais, quando têm chance de comentar um evento qualquer, limitam-se ao “kkkkkkk”, se for uma afirmação positiva... O beijo virou “Bjuuussss” e outras expressões sem graça.

Na verdade estamos perdendo valores importantes. Os principais são: a socialização presencial e a falta de emoção. Junto com estas perdas seguem a compaixão, a amorosidade, a ternura e o toque. Vivemos uma vida acelerada e depois reclamamos que ela está passando muito rápida. Quase todos nós temos esta sensação.

As amizades passaram a ter uma superficialidade muito grande. A maioria é considerada supérflua, sem conteúdo e facilmente descartável. Ter amigos de salas de bate-papo, de sites de relacionamento ou de redes sociais não preenche a nossa necessidade de comunicação. Dá-nos a falsa impressão de que não estamos sozinhos. É evidente que aqueles que já são amigos e se conhecem podem se comunicar melhor pela internet, é mais rápida, dirão. Eu ainda prefiro o telefone, pois ouço a voz e sou capaz de perceber a emoção do meu amigo. 
Eu tinha amigo que me ligava toda noite para comentar seu dia e ouvir uma palavra. Outro saía da academia e ia à pé para casa, no caminho, que levava uns 15 minutos, ligava pra mim e íamos conversando, era como se estivéssemos caminhando juntos. Outros me ligam para pedir uma oração para qualquer sufoco que estivessem passando. Eu aproveitava para falar um pouquinho, desabafar e ouvir um conselho. É muito legal ouvir a opinião de um grande amigo.


Uma amizade verdadeira, presencial, que nos emocione realmente, passou a ser comparada a um tesouro perdido, ficando a sua posse quase inalcançável. À noite, ao deitar, muitos fazem uma reflexão de tudo o que passaram durante o dia e observamos que faltou o amigo, o contato amistoso. Aproveito para incluir em minha reza todos os meus amigos e oro até pelos inimigos 


A população está se sentindo solitária. O mundo sem amigos fica muito feio. Eles acrescentam emoção e luz em nossas vidas. Imaginem-se sem amigos, é muito difícil. Assim como dizia Vinícius de Morais, perder um amigo é a dor mais sentida que pode existir só comparável à perda de um grande amor ou de um filho.

Na caminhada da vida temos o prazer de receber estes presentes maravilhosos, que são os amigos verdadeiros e estes devem ser guardados do lado esquerdo do peito, dentro do coração, como dizia Milton Nascimento na sua composição “Canção da América”.

A convivência com a internet tem, como tudo na vida, o seu lado bom e o seu lado ruim. Temos uma gama de notícias e informações que só possuíamos com o jornal e as revistas. A tecnologia da informação avançou, porém, junto com ela vieram as notícias ruins, alarmantes, falsas e perigosas. Nossas caixas postais são invadidas por uma série de spans, muitos deles nos induzindo a erros ou com a finalidade de invadir o nosso computador. Todo cuidado é pouco.

Entendo que é prazeroso o exercício da comunicação na NET, marcar encontros profissionais ou de lazer, colher informações diversas, realizar compras, até namorar pela net é muito gostoso. Porém, não podemos “abaixar a guarda”, ou seja, nos distrairmos. Para não incorrer em erro de permitir acessos negativos, que possam roubar a nossa paz. Golpistas, bandidos, estelionatários e pessoas sem escrúpulos tentam diariamente encontrar novas vítimas neste campo fértil chamado internet. Todo cuidado é pouco. Às vezes, buscando um amigo pelas redes sociais, podemos esbarrar com um deles. Já passei por isso.

Portanto, antes de acolher em sua vida um amigo, procure conhecê-lo melhor, assim você estará salvaguardando o seu coração de grandes decepções.

Enquanto não aprendermos a valorizar mais as relações, com contatos pessoais e trocar a novidade da internet pela velha ligação telefônica, que hoje em dia é baratíssima, tudo deverá permanecer na mesma.
Uns até dirão que: - Falar pelo Facebook não custa nada! Eu diria, custa sim, você sabe que a internet não é de graça. E o custo final é altíssimo. Perdemos a nossa liberdade de ir e vir (já que somos localizados), bem como a nossa segurança. Além de sermos entulhados de anúncios desnecessários.  

Perguntam por aí: onde estão os nossos amigos? Estão sumindo? Não, estão ligados. É um novo tempo, este que estamos vivendo. Tem muita gente boa ligada na Net, mas existe um grupo infiltrado que rouba até o teu pensamento, “nem tudo que reluz é ouro”, dizia minha avó quando queria se referir as coisas sedutoras que nos decepcionavam.


Amigo é uma condição muito especial, eles são sua defesa e são confidentes das suas aflições e vitórias. Nestes casos, é melhor falar com eles pelo velho telefone, que permite que vocês falem por horas. Mate a saudade, cante uma canção, troque confidências. O telefone nos permite ouvir sua voz dizendo: Eu sempre estarei do seu lado, independente de qualquer coisa, pois sou seu amigoVerdadeiras declarações de carinho e amizade são trocadas pelo telefone e nosso coração fica mais leve, como se tivéssemos dividido o peso da nossa angústia. Chegamos a ter ciúme de nossos amigos, um ciúme saudável, protetor.

Estes amigos leais, verdadeiros e íntimos estão sumindo, aos poucos. Agora, com tanta violência por aí não saem mais, vivem em seus mundos, isolados de todos, mas presentes na avaliação da próxima “figurinha” ou na foto da gororoba que você fez e fotografou pra aguçar o apetite do seu grupo.


Neo Day de hoje quer destacar, esta mensagem para que você construa o seu novo dia feliz afirmando que "a internet é uma importante forma de comunicação", bem sei. Porém, eu tenho saudade do tempo onde as pessoas diziam "PRAZER EM CONHECER VOCÊ", ou quando contavam seu “causos” com riqueza de detalhes fazendo-nos dar boas gargalhadas. Tempo em que se davam flores de verdade, com um cartãozinho escrito à mão, com uma mensagem de carinho. Tempo bom, parece que não volta mais.

No meu endereço do Facebook, ano passado, contei, de só uma pessoa amiga, o envio de 62 mensagens gráficas, que somadas às mensagens de mais 50 pessoas, chegou a um número absurdo de mais de 400 mensagens... Confesso que cansei, dei um tempo no meu Facebook. Em breve eu retorno pra rever os amigos virtuais ou aprender a receita de uma comidinha legal, quem sabe uma receita mineira, que tanto aprecio.
A minha esperança é que as pessoas voltem a manter contato umas com as outras, despertando desta onda sem brilho de mandar milhares de mensagens que não tem nada a ver com você. 

Como é bom ter um amigo para conversar? Eu possuo uns que são verdadeiros anjos e que me acompanham diariamente, por torpedos, e-mail, telefones e até carta, acreditem. São amizades que se consolidaram ao longo dos anos, com um papo gostoso, uma convivência sadia, muito sorriso e aconselhamento nas horas de dor.

Poderemos até usar a internet para ver assuntos diversos, mas, o papo com o amigo é prioritário. Assim, esta sensação de vazio que sentimos será preenchida com um sorriso presencial, ou com o ombro de um amigo de nosso anjo protetor, que nos acalmará e, às vezes, enxugará o nosso pranto. Então, vamos guardar nossos amigos com carinho, valorize-os um pouco mais e afastemo-nos um pouco dos nossos smartphones e tablets.


Um Brinde aos Amigos!

Tim-Tim!


Neo Cirne


Colunista de UBAV-Brasil

Um Brinde À Vida Copyright © 2011 | Tema Desenhado por: compartidisimo | Distribuído por: Blogger