segunda-feira, 31 de março de 2014

ESPIRITUALIDADE TIM-TIM! - O SOM DA VERDADE - Psicografia de ANDRÉ LUIZ - Por Neo Cirne

“O Som da Verdade”
(André Luiz)


    A vida na Terra apresenta alguns hábitos que, mesmo não sendo recomendáveis, são transformados em verdades e modismos para atender a interesses específicos.
    O caso da Nova Era, tanto esperada, estabelece uma linha imaginária que delimita dois grandes estágios espirituais do planeta. De um lado, uma Terra de violência e de sofrimentos onde os homens não se entendem. Do outro lado, uma Terra pacífica onde o amor impera entre seres iluminados pela razão. Como se o tempo tivesse a responsabilidade e a capacidade de abrir as portas do paraíso, conduzindo os homens para a montanha encantada, numa concepção etérea do flautista de Hamelin. Os ratos ficariam no passado, e os abençoados no futuro brilhante de uma era de paz.

            A imaginação foi atiçada. A Nova Era tornou-se um lucrativo comércio a exemplo do Natal e da Páscoa, quando os homens se entregam a comilanças, esquecendo o verdadeiro sentido dessas datas. Comercializa-se de tudo em nome da Nova Era, desde programas de dietas até livros de etiqueta e de boas maneiras. Tal qual os mercadores que invadiram o templo na época do Cristo. Os assuntos mais variados são discutidos como pertinentes à evolução espiritual, como um grande encontro social onde vaidades e interesses pessoais são habilmente expostos.

            Porém, foi negligenciado apenas um detalhe. Os protagonistas da Era de Aquário esperavam que todos mudassem de comportamento simultaneamente, mas cada um deles se esqueceu de transmutar suas próprias atitudes. E, no fim, tudo continuou na mesma. A bem da verdade, os problemas até se agravaram, pois como o anunciado milagre não aconteceu, muitos perderam fé e o respeito. Questionando Deus, interpelando a espiritualidade, porém conservando-se imutáveis quanto às deficiências do espírito que devem ser eliminadas. A Nova Era, assim, já nasceu decadente, derrotada pelas expectativas, que se concentraram nos sonhos imunes a uma realidade que só os próprios homens podem mudar. E que ainda, na maioria, não perceberam isso.

            Dessa forma, a Terra continua a mesma porque os homens continuam os mesmos. Esperavam que a Terra mudasse? Isso será feito. Mas para que os homens também pensem se devem mudar. E o livre-arbítrio será respeitado.

        O flautista de Hamelin está a caminho, para separar o joio do trigo, e estabelecer a Nova Era no planeta. Dentro de algumas gerações, o grande astro higienizador passará tangenciando a órbita da Terra, dividindo épocas como os homens desejam, e estabelecendo uma Nova Era. Mas uma Nova Era em que as fantasias do comércio e das vaidades serão deixadas no passado, sendo substituídas pela hora da verdade quando nada ficará escondido. Expondo as condições autênticas de cada espírito.

            Sugiro-lhes, então, que esqueçam suas ilusões no passado e procurem Jesus no presente. Pois os ensinamentos dele são a realidade da vida. Estudem as palavras do Cristo porque elas são sempre atuais, meditem e sejam implacáveis na batalha contra as imperfeições do espírito. Sintam-se contemporâneos de Jesus e apliquem incondicionalmente o amor e a caridade. Para que a passagem do flautista de Hamelin não os assuste com o som da verdade.           

MENSAGEM PSICOGRAFADA POR HUR-THAN DE SHIDHA


TIM-TIM!

Um Brinde À Vida Copyright © 2011 | Tema Desenhado por: compartidisimo | Distribuído por: Blogger