quarta-feira, 28 de novembro de 2012

NEO-DAY - "ALMA GÊMEA - Como viver esta emoção" Por Neo Cirne

Alma Gêmea... Como viver esta emoção.


Olá amigos, este é um tema que existe há tanto tempo que em poucas palavras seria impossível conseguir qualificar. Falar de crenças, religiões, suposições, verdades pouco absolutas é sempre muito difícil e quando o tema é reencarnação, que é um tema delicado, pela diversidade de opiniões, fica muito mais difícil. Os terapeutas que trabalham com Terapia Regressiva, sabem bem a dificuldade que é encontrar alguém que possamos, verdadeiramente, chamar de nossa Alma Gêmea.  


Durante algum momento em nossas vidas encontramos alguém que nos faz sentir desejados, queridos, importantes, diferentes, melhores, protegidos e confiantes. Muitos podem classificar este impulso como uma paixão, um amor à primeira vista ou um desejo simplesmente. Pode ser... Talvez seja. Mas a alma gêmea é aquela pessoa que, além disso, é capaz de nos completar e perceber até o que estamos pensando. Fazendo uma leitura perfeita de nossos sentimentos e nós, dos sentimentos dela.


Sabe aquela pessoa que você nunca viu, mas sabe que existe; que o tempo não apaga da memória; que mesmo negando, sonhamos com ela. Que não conseguimos ter raiva, mesmo que em algum momento tenha havido algum desentendimento que tenha separado os seus destinos. Pois é, muitas vezes aquela pessoa era a sua alma gêmea. E, por impaciência a deixamos partir e vemos a deliciosa emoção do encontro, escorregar de nossas mãos feito água. Um reencontro deste nível, só numa outra vida.  


Pessoas se encontram e desencontram, muitos conseguem perceber a existência deste sentimento na outra e festejam internamente este momento mágico. Os terapeutas têm inúmeros exemplos, como este.
"Imagine alguém que substitui outra no seu serviço, a pessoa substituída esperava por uma cliente, que veio de longe para ser atendida. Este atendimento, que normalmente duraria uns minutos, durou horas, sem que percebessem. Pareciam se conhecer de longa data. A cliente fica encantada com a atenção, a empatia e a maneira amiga com que foi recebida e sai do local, voltando à sua cidade com a sensação que teria encontrado um ser de luz e que, em apenas uma consulta, compreendeu perfeitamente o significado de sua existência. E coincidentemente o profissional que a atendeu teve a mesma impressão de ter compreendido as queixas, ficar com a sensação de que já conhecia a paciente e ter passado a sua mensagem como se estivesse conversando com uma "velha amiga".
Com certeza, era um encontro entre almas gêmeas, que se, caso não ousarem encontrar-se de novo, levarão uma eternidade para outro encontro.




Qual de nós nunca encontrou uma pessoa e, ao vê-la pela primeira vez, sentiu que compreendia perfeitamente aquilo que diziam os seus olhos, a sua pele, as suas mãos? É uma sensação difícil de definir. Tudo que essa pessoa toca ou fala mexe conosco, sem que para isso possamos apresentar qualquer explicação. É como se aquela pessoa fizesse parte de nós, é uma sensação estranha, mas maravilhosa ao mesmo tempo, que nos faz sentir completos. Mas, por outro lado, pensamos: “Como é possível sentir tamanha atração e complementaridade por uma pessoa totalmente desconhecida para mim?”
Se já passou por uma situação destas provavelmente já se cruzou com uma das suas Almas Gémeas. Existem mais de uma, pois o número de encarnações pode acontecer, segundo os espíritas, várias vezes. Em determinadas reencarnações somos divididos numa parte feminina e noutra masculina, e a partir daí andamos sempre à procura da nossa outra parte. O amor transcendental acontece quando encontramos esta outra parte de nós próprios, e em cada vida temos a missão de encontra-la. Parece difícil o entendimento, mas creiam que quando isso não acontece, o coração fica triste e sofre. Parece complexo, improvável, mas não impossível.

 Para encontrar alguém especial temos de nos sentir, também especiais. E perceber até que ponto, a partir deste encontro esta pessoa vai nos fazer falta.

Andamos todos à procura de alguém especial que nos complete e traga mais luz às nossas vidas. Neste instante desejamos colo e carinho. É um encontro mágico entre duas pessoas que perdem a respiração quando se falam, que quando se veem sentem-se motivados e fortalecidos para continuar sua jornada terrena. Este não é um encontro com uma pessoa  comum, é sim a pessoa que inconscientemente buscamos e costumamos designar de a nossa Alma Gêmea!

Encontrar a alma gêmea, no entanto, é muito difícil, pois, normalmente, não estamos abertos, prontos para recebê-la e percebê-la. O amor de vocês pede passagem, mas é necessária a percepção, o sentimento, o arrepio saboroso para saber que este encontro é algo diferente. Não se trata de um encontro casual, destes existem muitos. É um encontro que estava escrito nas estrelas, em vidas passadas.

Através do amor que acumulamos experiências aprendidas em muitas vidas. Somos responsáveis por todas as outras partes de nós próprios que estão espalhadas pelo mundo, temos a obrigação de sermos o nosso melhor amigo, cuidando de nosso corpo e mente, procurando ser felizes. 
Encontrar a alma gêmea não pode ser uma determinação, um objetivo a cumprir, mas uma deliciosa sensação que necessita ser percebida. Quando a procuramos, sempre nos posicionamos no lugar errado. Há gente que a procura tanto e chega a dizer que "tem o dedo podre para apontar a sua metade, a sua alma gêmea".


Sempre consideramos de que tudo que nos é ofertado encontra-se próximo de nós, e chegam através da sociedade, da religião e dos nossos contatos. Talvez a nossa alma gêmea esteja esperando a oportunidade exata para poder manter contato. Entendemos o mundo como uma obra desenhada somente pra nós, ao nosso jeito. Só que somos mais de 7 BILHÕES de habitantes neste mundo conturbado. Todas procuram, sem saber, as suas almas gêmeas. Já ouvi esta expressão de uma pessoa: "Ganhei na Loteria pois encontrei a minha alma gêmea". E depois, a perdeu.

Usamos também a tecnologia e a informática para encontrarmos um namorado e pensamos mesmo em descobrir a nossa “alma gêmea”, as possibilidades são remotas de encontra-la assim, pode até acontecer, mas entendemos que para encontra-la você precisa ter um contato físico, olhá-la nos olhos e perceber o sentimento sutil que ela possui e que alegrará a sua alma. Este contato pessoal é que dirá aos dois imediatamente que uma grande emoção está próxima. Este encontro indicará que a sua metade, tão desejada, está aqui, presente, tão pertinho de você.

Com sabedoria você se despojará deste escudo protetor e que repele a aproximação de alguém e dará atenção àquela pessoa, permitindo que suas almas conversem. Elas conversam até silenciosamente, por olhares e gestos. Seu coração não poderá estar repleto de receios, preconceitos ou defesas. Você se permitirá ouvir a sua voz interior e sentir os seus batimentos cardíacos acelerados.

É impressionante este momento, inesquecível. Podemos até ter muitos namoros, paqueras e flertes. Podemos até casar com uma pessoa legal e que a complete inteiramente, porém você nunca vai ter certeza de que ela é a sua “alma gêmea”, se não teve os arrepios aqui descritos. Isto não o fará menos feliz na relação conquistada, mas a busca, sem que você perceba, continuará, aqui ou numa próxima encarnação. É a emoção da eterna busca e esta emoção é indescritível.


Feliz de quem percebe a existência de sua alma gêmea, permite-se um contato e que decifra o inquestionável código do amor e une-se a ela. Neste momento, os anjos no céu unem-se em seus cânticos e o aplauso divino é capaz de ser ouvido. A emoção do encontro de duas almas gêmeas é um momento mágico e permanente, é divino. Dificilmente as almas gêmeas separam-se. São obras de Deus, univitelinas, completas e para toda a vida.


(Autoria: Neo Cirne)


Tim-Tim!

Um Brinde À Vida Copyright © 2011 | Tema Desenhado por: compartidisimo | Distribuído por: Blogger