segunda-feira, 22 de outubro de 2012

O CANTINHO DAS DEUSAS - OXUM, A Deusa das águas - Por Odara Braum


Bom dia amigos de UBAV, da Bahia para o Mundo o Cantinho das Deusas entrará hoje em contato a Essência Feminina da Deusa Oxum.


A Deusa reina sobre as águas doces dos rios, o amor, a intimidade, a beleza, a riqueza e a diplomacia. O culto à Deusa Oxum costuma ser realizado nos rios e cachoeiras,

Na Mitologia Yoruba, seu nome deriva do Rio Osun, que corre na Iorubalândia. Quando os africanos foram trazidos à força para o Novo Mundo, pouco lhes foi permitido portar consigo. Mas eles conseguiram trazer, protegido no coração, a devoção por seus deuses e deusas. Aquí chegando, a religião dos africanos foi proibida pelos senhores de escravos. Para continuar cultuando, eles precisaram fazer a fusão dos seus deuses com os santos da religião católica, o que chamamos de sincretismo. Nas religiões afro-brasileiras Oxum é sincretizada com diversas Nossas Senhoras.

Em Oxum, a “Senhora do Ouro”, os fiéis buscam auxílio para a solução de problemas na vida financeira e também no Amor, já que Ela é a protetora das uniões.
Oxum é também a padroeira da gestação e da fecundidade, protegendo as mulheres que desejam ter filhos, as gestantes, e as crianças pequenas.
Desenho mostra a sensualidade e as cores de Oxum

Diz-se que as mulheres que estão em sintonia com a essência de Oxum, carregam o dom especial da Deusa _ andam e dançam de modo provocante, com sensualidade e são encantadoras.
Quando as mulheres querem entrar em contato com a essência da Deusa, fazem um banho ritualístico.

Oxum é considerada a Deusa brasileira das águas doces – rios, riachos, fontes. O seu símbolo supremo é a Água.

Ritual de Banho
Coloque uma música relaxante, acenda uma vela perfumada no banheiro, acenda um incenso da sua preferência e coloque óleo essencial na água para ficar envolta em sua fragância. Feche os olhos, respire fundo e sinta o prazer da água escorrendo pelo seu corpo ou lhe envolvendo. Fique nesse estado de prazer e relaxamento pelo tempo que achar necessário. Esse ritual pode ser feito no chuveiro, mas se estiver em uma banheira, entregue-se ao calor da água  eliminando todos os pontos de tensão do seu corpo.
Quando terminar o banho, respire fundo, passe prazerosamente um óleo natural no seu corpo e apague a vela agradecendo a Oxum.
Sugestão: durante o banho, à luz da vela, com o perfume do incenso, com a fragância do óleo essencial, música suave, declame o lindo poema da Deusa Oxum e sinta a magia do amor no ar...
SENSUALIDADE
Oh! deixe-me deliciá-la com a minha beleza
de modo que o olho possa dançar de alegria,
deixe-me seduzi-la com perfumes
para que você inspire  prazer,
deixe-me excitar seu paladar
até sua língua tremer,
deixe-me acariciá- la com um som
que faça seus ouvidos zunirem,
deixe-me tocar o seu corpo
com a música da cachoeira,
e adornar sua beleza com
braceletes dourados, mel e perfume
e quando tudo tiver sido feito
quando todos os seus sentidos tiverem sido despertados,
quando seu espírito celeste se unir de modo jubiloso,
com seu corpo terrestre,
então você conhecerá a sensualidade.

Aqui na Bahia, em Salvador, o Dique do Tororó foi o lugar escolhido para colocar as esculturas dos orixás africanos, obra de Tati Moreno. Dentre elas encontra-se a escultura de Oxum. Quando vierem à Bahia não se esqueçam de visitar o local, é muito bonito.

 Muita Luz e Tim-Tim!

Odara Braum
Consultas realizadas:
 O ORÁCULO DA DEUSA – Amy Sophia Marashinsky,
 O CAMINHO DA DEUSA – Patricia Monaghan,
WIKIPÉDIA – enciclopédia livre

Um Brinde À Vida Copyright © 2011 | Tema Desenhado por: compartidisimo | Distribuído por: Blogger